Dedetização e Descupinização - Rio de Janeiro
Aceitamos cartões de crédito:

Cupim arbóreo

Também chamados de cupins arborícolas, essa espécie são extremamente prejudiciais e difíceis de combater.

Encontrados em áreas rurais e urbanas, o cupim arbóreo é chamado assim por conta dos ninhos construídos sobre as árvores.

A espécie mais comum desse cupim é a Nasutitermes corniger e seus ninhos possuem coloração extremamente escura. Seus cupinzeiros podem ser enormes e muitas vezes vão do tronco, poste ou parede onde apoiados, até o chão do local. Podem vir a atacar telhados e estruturas de madeira de residências.

Apesar do nome, essas pragas se instalam em outros objetos que tenham proximidade com as árvores. Devido ao peso dos cupinzeiros muitas vezes os troncos acabam cedendo e causando acidentes em residências e redes de eletricidade. Outras áreas que sofrem com os ataques desses seres são vigas, pisos, forros e até mesmo alguns móveis.

Uma das características que distingue o cupim arbóreo de outros é a quantidade de reis e rainhas numa mesma colônia.

Normalmente os cupinzeiros possuem apenas uma, que fica responsável pela criação contínua de novos indivíduos. Logo, o fim de uma colônia só torna-se possível com a eliminação da rainha, que neste caso são várias. Portanto, é preciso ter atenção extra aos ninhos do cupim arbóreo e seus hábitos.

Entenda mais sobre as castas do cupim arbóreo e saiba como lidar com uma infestação dessas pragas.

Por possuírem mais de uma rainha em sua colônia, o cupim arbóreo certamente terá um mais indivíduos neste local. Consequentemente, isso faz com que o ninho tenha de ser maior para suportar o número de pragas. Dividindo-se em três ordens, como outras espécies, o funcionamento de suas colônias ocorre da seguinte maneira:

 

soldados;

  • Diferenciam-se de outras espécies por possuírem mandíbulas pouco desenvolvidas e pelo formato da cabeça, que é mais pontuda que dos outros. Este fator faz com que sejam popularmente chamados de soldados nasutos. Contudo, ainda assim são aptos a proteger os ninhos contra invasores.

 

reis e rainhas;

  • Normalmente essa ordem é formada por somente uma rainha e diversos indivíduos com sistema reprodutor funcional. Contudo, no caso do cupim arbóreo existem variados casais espalhados por toda colônia. A função destes indivíduos é de se proliferarem e dar continuidade à espécie.

 

operários;

  • Formados pela maioria dos seres do cupinzeiro, esse grupo é responsável por variadas tarefas. Desde o recolhimento de alimentos e criação de novos túneis, até cuidados com as ninfas são algumas tarefas dessas pragas. São estéreis e cegos, e trabalham continuamente perfurando madeiras.

 

Visto que os grupos possuem tarefas essenciais, pode-se afirmar que a vida numa colônia ocorre de forma interdependente. Qualquer tarefa que deixe de ser realizada pode vir a comprometer o dia-a-dia do cupinzeiro e torná-lo suscetível a ataques. Evitar a propagação do cupim arbóreo numa área é essencial, tendo em vista seus riscos e facilidade de instalação.
p>

Conheça o ciclo de vida do cupim arbóreo

 

Uma vez que o cupim arbóreo possui diversos reprodutores nas colônias, ocorrem variadas oviposições. Esse tipo de particularidade faz com que existam inúmeros nascimentos ocorrendo de forma simultânea dentro no cupinzeiro. As rainhas tendem a viver de 15 a 35 anos, logo, é essencial entender o ciclo de vida dessas pragas para combatê-las.

 

reis e rainhas;

  • São os fatores principais para a procriação já que é a única função destes indivíduos. Colocam milhares de ovos por dia, que ficam isolados. Quando deixam a colônia para realizar a revoada (primavera ou verão) se reproduzem após cair no solo e encontrar abrigo. Dão início ao acasalamento para o povoamento do seu próprio cupinzeiro.

 

ovos;

  • O tamanho máximo que conseguem chegar é de até 3mm de comprimento, e precisam ficar incubados por até 15 dias. São vigiados pelos operários e protegidos pelos soldados da colônia, até que desenvolvam-se. Até que se tornem ninfas ficam localizados numa área chamada de câmara nupcial.

 

ninfas;

  • Até que saiam dos ovos são alimentados por resíduos regurgitados pelos operários. Para alcançar essa fase podem demorar de 24 à 90 dias uma vez que passam por duas ecdises. Esses processos são essenciais para que o inseto se livre do exoesqueleto e cresça de forma adequada.

 

fase adulta;

  • Quando crescidos, os cupins vem a assumir papéis nas ordens do cupinzeiro. Esse tipo de divisão depende da sua biologia, que acaba definindo se essa praga será reprodutora, operária ou soldado.

 

Os casais reais chegam a colocar até 3000 ovos por dia, variando de acordo com fatores do ambiente. Umidade e temperaturas quentes são algumas características que podem tornar a proliferação dos cupins mais ágil. Impedir que estes seres se reproduzam de maneira descontrolada é essencial para que a descupinização seja feita com eficácia.

Cupim arbóreo - Descupinização RJ
Cupim arbóreo - Descupinização RJ

Quais os principais problemas causados pelo cupim arbóreo?

Cupins são conhecidos por se inserirem nos imóveis e danificarem desde peças decorativas até estruturas de madeira. Infestar os locais é algo que pode causar prejuízos diversos aos indivíduos, todavia, os problemas causados podem ir além. A ação do cupim arbóreo faz com que estes seres se instalem em postes, troncos e vigas próximas aos imóveis. Dentre os riscos dessas invasões tem-se:

 

  • despencamento de postes e vigas em telhados de imóveis;
  • estrago de partes importantes das estruturas como vigas e paredes;
  • danificação de roupas, móveis, livros, documentos e outros itens;
  • problemas no reflorestamento e cultivo do eucalipto;
  • destruição de monumentos históricos devido a seus ataques.

 


A ação dos cupins muitas vezes ocorre de forma silenciosa, o que pode vir a causar aparições surpresas dessas pragas. O cupim arbóreo é mais comum de ser visto em áreas próximas à caatingas e matas, mas isso não impede sua presença em ambientes urbanos. Basta haver algum tipo de sustentação para a construção dos cupinzeiros que estes venham a se instalar no ambiente.

Conheça algumas curiosidades sobre os cupins

Os insetos são seres de comportamentos muitos peculiares em alguns casos, seja por comportamentos ou características biológicas. Cupins são seres relevantes, principalmente devido ao seu fator eussocial, que os torna extremamente organizados. Todavia, há diversas outras características destes animais que podem ser interessantes aos indivíduos. Veja algumas dessas curiosidades:

 

  • a alimentação desses insetos ocorre através de uma regurgitação compartilhada, essa característica é chamada de trofalaxia;
  • uma rainha chega a produzir até 30.000 ovos em um único dia, o que a torna uma das espécies mais produtivas do reino animal;
  • quando passam por um local essas pragas deixam um rastro em formato de pó branco, que são os dejetos desses animais;
    devido a ataques em monumentos, construções e plantações essas pragas causam prejuízos de até 10 bilhões de dólares em todo mundo;
  • se instalados em um ambiente favorável podem chegar a ter até mais de 3 milhões de indivíduos na colônia;
    tendo em vista que a maior parte dos soldados e operários são cegos, estes indivíduos realizam sua comunicação por cheiros;
  • mesmo que sejam um risco em diversas áreas, os cupins podem ser favoráveis em locais com excesso de árvores mortas.

 

Ter conhecimento sobre este tipo de informação à respeito dos cupins pode ajudar a identificar ou eliminar essas pragas. Normalmente essas características são utilizadas na criação de procedimentos ou durante a aplicação dos produtos de descupinização. Visto que esses seres são perigosos e agem de forma silenciosa, conhecer suas peculiaridades é uma vantagem.

Cupim arbóreo - Descupinização RJ

Saiba como se prevenir do cupim arbóreo

Efetuar uma descupinização nos locais exige a aplicação de métodos profissionais e condizentes com a necessidade do espaço. Há variadas técnicas que podem ser utilizadas, todavia, é preciso prevenir-se no cotidiano contra a ação do cupim arbóreo. Conhecidos como pragas silenciosas, esses seres podem estar escondidos em inúmeros locais de um imóvel. A aplicação de técnicas profissionais cabe aos colaboradores de uma empresa, porém, ações preventivas podem ser feitas por qualquer um. Por meio de cuidados com hábitos de limpeza e uso de materiais preventivos é possível impedir uma infestação. Veja algumas dicas importantes para tomar cuidado com a presença dos cupins dentro dos imóveis:

 

  • aplicação de vernizes para proteger as peças de madeira;
  • fiscalização recorrente em frestas, buracos e espaços em portas e janelas;
  • podar árvores que estejam localizadas próximas ao imóvel;
  • impedir o acúmulo de entulhos de materiais como folhas, papelão ou madeira;
  • uso de madeiras resistentes à ação dos cupins (pau-ferro, jacarandá, peroba-rosa, maçaranduba e outras).

 

Caso alguma colônia desta espécie seja identifica é primordial que se chame uma empresa profissional o quanto antes. Uma vez que conseguem se proliferar de maneira ágil, podem causar prejuízos ao local em pouco tempo. Apesar dos métodos preventivos serem eficazes para evitar infestações, demandam serviços profissionais periódicos.

Conheça a revoada, época de acasalamento dos cupins

Cupim arbóreo - Descupinização RJ

Popularmente chamados de bichos de luz, aleluias ou siriris, os cupins possuem um hábito extremamente reconhecido. Durante os meses de primavera e verão esses seres saem de suas colônias para se proliferar e criar novos ninhos. Esse período é conhecido como revoada, visto que as pragas voam em busca de locais para depositar seus ovos. Contudo, todos esses vem a perder suas asas ainda no começo do processo e caem locais variados.

Espaços escuros, úmidos e isolados são os mais suscetíveis a sofrerem ataques durante esse período. A saída de inúmeros indivíduos vem a ocorrer por conta do fechamento da colônia, feita pelos operários. Devido a esta compressão e influência do clima há um frenesi interno que faz com que todos indivíduos saiam voando. Ao encontrar um ambiente apropriado os cupins se instalam e realizam a oviposição.

Quando este fenômeno acontece muitos desses seres acabam indo em direção à pontos de luz dos imóveis. Isso ocorre pois estes animais são guiados pela luz, o que acaba os confundido durante à busca por novos locais. É essencial ter cuidados adequados durante essa época pois todos indivíduos são potenciais fundadores de novas colônias. Se conseguirem se instalar por um ano, uma rainha chega a colocar até 10.000 ovos.

Métodos para eliminar o cupim arbóreo

Há inúmeros métodos que podem ser utilizados para lidar com a presença do cupim arbóreo. É essencial que se analisem o ambiente e suas necessidades para decidir qual destes pode funcionar de forma apropriada. Cada um atua de maneira distinta e deve ser aplicado por uma equipe profissional que tenha conhecimento sobre todos estes. Dependendo do nível de infestação do ambiente ou de suas peculiaridades pode ser necessário usar um tipo de procedimento. Veja mais sobre cada um dos métodos:

 

gel cupinicida;

  • Este material é utilizado para aplicações diretas nos locais propícios à invasão dos cupins. Não exige a movimentação de objetos e funciona de maneira inodora, o que permite a estadia dos indivíduos no local. Pode ser colocado em frestas, rodapés, janelas, portas e outros.

 

iscas cupinicidas;

  • Por conta da forma como os cupins se alimentam a utilização desse procedimento é altamente eficaz. Através da colocação de iscas pelo imóvel estes cupins são eliminados poupando um serviço trabalhoso. Deve-se pensar locais propícios para que as iscas possam ser distribuídas de maneira eficaz.

 

barreira química;

  • Consiste na injeção de produtos em locais infestados ou que possam vir a apresentar cupins. Tendo fórmulas que envolvem granulados e pós cupinicidas de alta precisão, este serviço opera com eficácia. Essas aplicações eliminam as pragas que estão inseridas como evitam a entrada de novos seres.

 

barreira física;

  • Aplicando materiais impenetráveis dentro do solo dos imóveis torna-se possível impedir a proliferação dos cupins. Uma vez que estes animais tendem a aumentar suas colônias criando novos túneis, esse método interrompe esse processo. Assim, é possível fazer com que estes sejam eliminados e evita a criação de novos ninhos.

 

Pode ser necessário utilizar um ou diversos métodos num mesmo imóvel, isso varia de acordo com o nível de infestação. Todavia, alguns segmentos podem precisar de produtos sem cheiro e que não impeçam suas atividades para controlar as pragas. Somente por meio da contratação de uma empresa qualificada é possível adquirir esse tipo de variedade.

Chame quem entende para acabar com a infestação do cupim arbóreo

A Sani System é especializada no combate de cupins e há 35 anos vem resolvendo diversos tipos de problemas dos clientes. Caso esteja necessitando lidar com o cupim arbóreo ou outras espécies, contrate já o nosso serviço de descupinização. Dispondo de métodos qualificados e profissionais altamente treinados, visamos eliminar essas pragas com eficácia. Contate-nos já e solicite um orçamento!

SOLUÇÕES CORPORATIVAS CUSTOMIZADAS PARA
CADA TIPO DE CLIENTE

Contratos para diversos segmentos de mercado, com atendimento visando rapidez e qualidade: Indústrias, Hospitais, Restaurantes, Shoppings Centers, Condomínios Empresariais e Residenciais, entre outros.

Desenvolvemos um programa específico de orientação, buscando localizar e identificar abrigos, acessos para pragas e ainda ajudamos com a correta estocagem dos alimentos.

Entre em contato conosco e solicite uma cotação

Aceitamos cartões de crédito:

ATENDIMENTO AO CLIENTE

21. 2502-6198